Excessos pronominais (2)

Ontem, falei de excesso de pronomes nas traduções para o português e da dificuldade de recomendar ao tradutor que não traduzisse todos os pronomes, sendo que ele era pago pelo volume de tradução e, portanto, ganhava para botar todos os pronomes. Quer dizer, se eu pedisse para ele não traduzir todos os pronomes, estaria, ao mesmo tempo, pedindo para que se conformasse em ganhar menos.

Pelo menos à primeira vista é assim. Mas talvez não seja. Com um pouco de treino, a gente aprende a não traduzir os pronomes desnecessários. Quer dizer, não tem mais que traduzir e apagar, o que significa que temos que digitar menos e, portanto, terminamos a tradução mais rapidamente. No fim, o que se ganha por dia deve ficar pelas mesmas alturas e a qualidade da tradução melhora. Explicar isso é meio complicado, porque, certamente, para traduzir um certo texto mantendo todos os pronomes recebe-se mais do que para fazer o mesmo texto sem tanta pronominalhada.

Além disso a maioria dos tradutores morre de medo de ficar sem serviço e estica tanto quanto pode o que lhes cair nas mãos. Nesse sentido, no de se manter ocupado, traduzir todos os pronomes, desenvolver todas as abreviaturas, escrever todos os números por extenso e coisas que tais é uma excelente tática. Quando comecei, era o tempo da máquinas de escrever e me ensinaram várias técnicas para encher lauda, mas que prejudicavam a qualidade da tradução. Por exemplo, se o original dizia in 1970, the company’s earnings totalled X, em vez de traduzir por em 1970, os lucros da empresa totalizaram X, o conselho era para traduzir por no ano de 1970, os lucros alcançados pela empresa atingiram o valor de X (72 caracteres, em vez de 43).

No princípio, quando tinha longos períodos de pouco serviço, vamos falar a verdade, fez falta uma esticadazinha. Mas, a longo prazo, foi um bom investimento, porque serviço bem feito atrai mais serviço e, além disso, serviço mais bem pago.

Pense nisso a próxima vez que resolver encher um pouco de lingüiça.

Se você for iniciante de tudo ou pretendente a tradutor, clique aqui.

O calendário de cursos a distância Aulavox sofreu um atraso, mas deve estar no ar amanhã.

EN→PTBR |Tradutor profissional desde 1970.


Sem comentarios em "Excessos pronominais (2)"


    O que achou do artigo? Deixe seu comentário.

    Pode publicar em html também