Profissão: Tradutor

Cada vez que me perguntam minha profissão e eu respondo que sou tradutor, vêm logo a mesma surpresa e perguntas:

  • Todas as línguas?
  • Por que as traduções dos filmes são tão ruins?
  • Livros, assim?
  • Minha filha está estudando inglês, o senhor não podia dar umas traduções para ela fazer?
  • O senhor dá aulas?

Mesmo entre estudantes e iniciantes a desinformação reina. Antigamente, quase todo estudante de tradução pensava que ia traduzir poesia e investia um tempo enorme para aprender uma técnica que nunca ia usar na vida. Hoje, a grande maioria espera viver de traduzir filmes, sem se dar conta de que o mercado de dublagem e legendagem, embora importante e de alta visibilidade, responde por uma parte ínfima do mercado total de tradução e, portanto, acolhe um número muito pequeno de tradutores.

Foi para apresentar minhas opiniões sobre a profissão de traduzir que criei este blog. Muito do que vai aparecer por aqui é mera reformulação de opiniões que já venho expressando há anos em palestras que fiz em faculdades ou congressos, ou em algum dos ciberpontos de encontro mencionados na área de links. Aqui vão ficar todos juntos. Espero que sejam úteis.

EN→PTBR |Tradutor profissional desde 1970.


9 Comentarios em "Profissão: Tradutor"

  • O blogue renasce – Tradutor Profissional
    05/01/2015 (1:27 am)
    Responder

    […] para saber. Por hoje é só, mas, se você tiver a curiosidade de ler a primeira postagem, está aqui. Acho que ainda é […]

  • Danilo Nogueira
    09/02/2009 (1:43 pm)
    Responder

    A turma que trabalha com surdos é especialmente bem-vinda aqui, porque são um grupo ainda muito mal entendido inclusive pela maioria dos outros tradutores. Vou até abrir um tópico sobre o assunto. Mas, por favor, dê uma olhadinha aqui:

    http://tradutor-profissional.blogspot.com/2009/02/discussoes-profissionais-em-particular.html

  • Anonymous
    07/02/2009 (7:44 am)
    Responder

    Bom dia.
    Sou também Tradutora. Explico melhor o meu curso é Tradução e Interpretação da Língua Gestual. Neste momento estou iniciando a minha pós-graduação. Queria muito falar consigo.Poderia me contactar para o meu mail: mã[email protected]
    Agradecia imenso..também passo pelas perguntas mais absurdas..mas como trablho com surdos, transmito mais um sentimento de pena…vá-se la entender o pessoal

  • Graeme
    02/12/2006 (3:26 am)
    Responder

    We meet again, Obi Wan Kenobi!

    Danilo, parabéns pela sua habitual maneira clara, educada e bem-informada de esclarecer as pessoas ao seu redor. É, de fato, espantoso o que um tradutor ouve ao conversar com leigos e, principalmente, clientes com expectativas surpreendentes quanto a preço, prazo etc…

    Já ouvi coisas do tipo… “mas vc cobra até pelas preposições e artigos?”… e fiquei tentado a dizer… “não necessariamente… posso enviar o texto (de 20 páginas) com todas as preposições e artigos ainda em português, se preferir…” mas consegui resistir à tentação.

    Bom.. irei acompanhar o andamento do blog com interesse… Boa sorte e sucesso (mais ainda!) em tudo!

    Graeme Hodgson

  • Anonymous
    11/11/2006 (11:12 pm)
    Responder

    Gostei da sua iniciativa. Assisti a primeira Aula Vox e gostei também. Sou Intérprete de Língua de Sinais – e fiz meu mestrado tratando das semelhanças que há entre a profissão do tradutor e ao Interprete de Língua de Sinais.
    Sempre que possível visitarei seu blog. A voce todo sucesso.
    Andréa Rosa
    Unicamp

  • Ana Schäffer
    09/11/2006 (2:28 am)
    Responder

    Olá Danilo!

    Parabéns pela iniciativa deste blog. Os assuntos tratados respondem muitas das perguntas feitas no geral por quem deseja entrar no mercado. Vou indicar aos alunos do curso de Tradutor e Intérprete.
    Muito êxito!

    Um abraço,

    Ana Schäffer
    UNASP/EC

  • Levy Carneiro Jr.
    07/11/2006 (7:11 pm)
    Responder

    Olá Danilo! Blog muito interessante!

    Uma dúvida: quais seriam os mercados principais para quem vai trabalhar com tradução, já que filmes e livros não são os principais?

    Obrigado!

  • Fabio M. Said
    06/11/2006 (2:46 pm)
    Responder

    Danilo,

    Parabéns pelo blog, que certamente será um sucesso.

    Neste primeiro post você identificou muito bem a falta de informação do público quanto ao trabalho do tradutor. As perguntas que você mencionou, eu as ouço quase todos os dias, principalmente “você dá aulas?”. 🙂 Outras mais irritantes: “você é advogado?” (quando faço traduções jurídicas), “você é médico?” (traduções de medicina), e por aí vai. Minha resposta é quase sempre: não, minha senhora, meu senhor, eu sou T-R-A-D-U-T-O-R, em tempo integral, com diploma, orgulho e muita paciência. 🙂

  • Ulisses
    06/11/2006 (10:26 am)
    Responder

    Danilo,

    Tenho certeza de que o seu blog será um sucesso! Adorei o que li até agora. Vou voltar sempre!

    Abraço,
    Ulisses


Deixe uma resposta para O blogue renasce – Tradutor Profissional Cancelar comentário

Pode publicar em html também